WhatsApp esta sendo usado para aplicar golpe envolvendo o PIS/Pasep

E o WhatsApp se tornou, mais uma vez, janela para golpistas tentarem roubar os dados dos usuários do mensageiro. Recentemente começaram a espalhar possíveis links para realizar a consulta do 7º lote do abono do PIS/Pasep e o beneficiado verificar se tem direito ao valor a ser liberado.

A descoberta foi feita pelo laboratório especializado em segurança dfndr lab, da PSafe. Segundo os investigadores, mais de 200 mil pessoas foram afetadas em apenas 24 horas, mostrando a velocidade em que o golpe se espalhou pelo mensageiro mais usado do mundo.

De acordo com as imagens que circulam na internet, as vítimas recebiam a mensagem com um link que, em teoria, redirecionava para a página “oficial” da Caixa Econômica Federal. No endereço maliciosos, aparecia uma caixa de mensagem falando que se a pessoa trabalhou entre 2005 e 2018 de carteira assinada, tinha o direito de sacar R$ 1.223,20, mas que era preciso responder as seguintes perguntas:

  • Você trabalhou com carteira assinada entre 2005 a 2018?
  • Você está registrado atualmente?
  • Possui cartão cidadão para realizar o saque do benefício?

Entretanto, independente das respostas dadas, no final do questionário a pessoa era direcionada para uma página que para realizar o saque era preciso compartilhar o link com mais 30 amigos no WhatsApp e esperar 5 minutos pelos próximos passos. Os golpes no mensageiro só mudam de tema, mas a forma de aplicação é sempre a mesma, então é preciso ter atenção ao sair clicando em qualquer link que seja compartilhado conosco por mensagem, mesmo que venha de parentes.

Fonte: Tudocelular


Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...