Todos os dispositivos Raspberry Pi são imunes às vulnerabilidades Meltdown e Spectre

Apenas no caso de você estar se perguntando, o fundador da Raspberry Pi Foundation, Eben Upton, confirmou na última sexta-feira (05) que nenhum dos dispositivos Raspberry Pi são afetados pelas vulnerabilidades reveladas recentemente Meltdown e Spectre, que afetam quase todos os dispositivos que possuem alguma CPU da Intel, AMD ou ARM feitas nas últimas duas décadas. Ambas as vulnerabilidades são consideradas as piores falha já descobertas em chips, colocando bilhões de dispositivos em risco de ataques.

Em sua longa postagem, Eben Upton explica como funciona o ataque e como a execução especulativa funciona em processadores modernos, além de afirmar que todos os modelos de Raspberry Pi são imunes às façanhas de segurança Meltdown e Spectre, pois usam processadores ARM1176, Cortex-A7 e Cortex-A53.

“Os processadores modernos têm grandes comprimentos para preservar a abstração de máquinas escalares que acessam a memória de forma direta, ao mesmo tempo em que utilizam inúmeras técnicas, incluindo armazenamento em cache, reordenação de instruções e especulação para oferecer um desempenho muito superior ao que um processador simples poderia esperar alcançar. Meltdown e Spectre são exemplos do que acontece quando raciocinamos sobre a segurança no contexto dessa abstração e, em seguida, encontramos pequenas discrepâncias entre abstração e realidade”, explica Eben Upton.

“A falta de especulação nos núcleos ARM1176, Cortex-A7 e Cortex-A53 utilizados no Raspberry Pi nos torna imunes a ataques desse tipo”, concluiu.

Com as declarações de Eben Upton, é bem provável que aqueles que utilizam o Raspberry Pi como sua máquina de computação principal se sintam muito mais tranquilos agora ao descobrir que esses pequenos computadores de placa única são imunes aos ataques Meltdown e Spectre, o que poderia ser usado por atacantes não privilegiados para roubar dados confidenciais como senhas e chaves de criptografia armazenadas na memória do kernel.

Claro, esta é uma notícia ainda melhor para os inúmeros donos de Raspberry Pi que usam o pequeno computador em seus aparelhos ou aplicações IOT.

Fonte: LinuxBuzz

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM

Atendimento OnLine
Enviar...