Mozilla Firefox 46 consumirá até 20% mais memória RAM devido ao multiprocesso
Atualmente a versão mais atual do navegador Moziila Firefox é a 44, lançado em janeiro de 2016, que trouxe como principal novidade a possibilidade de receber notificações push mesmo com o browser fechado. Porém a próxima novidade de impacto no navegador da fundação Mozilla deverá ocorrer lá na versão 46, com a inclusão da tecnologia Elecrolysis, responsável por trazer o multi-process (multiprocesso) ao navegador. Recurso este que já é utilizada por outros browsers como o Google Chrome (desde 2008). Graças ao multiprocesso é possível garantir muito mais estabilidade e segurança ao software, já que extensões e abas são tratadas como processos distintos. Até ai tudo bem, mas claro que há um revés, ao partir para subprocessos independentes é necessário um maior consumo de RAM – o que é justamente um item que é sempre alvo de críticas dos usuários do Chrome.

Em um teste recente a Mozilla disse que o Firefox com multiprocessamento ativado eleva o consumo de RAM entre 10% e 20%, não há como precisar um percentual exato já que há vários fatores envolvidos em cada sessão de navegação, como o o número de abas abertas e extensões instaladas.
 
Os testes foram realizados em Windows, Linux e Mac OS com cerca de 100 páginas e 30 guias diferentes. Na versão para Windows (32-bits) o consumo de RAM passou de 461 MB para 537 MB. Aumentos semelhantes foram constados tanto no Linux como no Mac OS. Vale lembrar que nas configurações do browser será possível desativar o multi-processo.
 
A versão final do Firefox 46 é esperada para o dia 19 de abril. Qual a sua opinião em relação a chegada do multiprocesso ao Firefox? Deixe seu comentário abaixo.
 
Fonte: Ghacks.net

Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...