Microsoft se junta a Symantec e acaba com rede de cybercrime
As fabricantes de software Microsoft e Symantec desativaram servidores que permitiam a um grupo criminoso de controlar computadores sem que seus usuários soubessem. 

O grupo atacava sequestrando resultados de busca que permitam cobrar empresas de forma fraudulenta por cliques em seus anúncios online. Os usuários que tentassem realizar buscas no Google, Bing ou Yahoo eram imediatamente redirecionados para outros sites de busca, que faturavam por cada clique efetuado.
 
De acordo com a Microsoft e Symantec, entre 300 mil a um milhão de usuários estavam infectados com o malware. As empresas agora estão controlando o endereço usado e, quando o internauta é redirecionado pelo vírus, agora verá uma mensagem informando sobre a infecção e como removê-la do sistema para restaurar o acesso normal.
 
Quando questionado sobre o problema, o diretor jurídico da divisão de crimes digitais da Microsoft, Richard Boscovich disse que a empresa está confiante e acredita ter controlado o malware, mas que “só o tempo dirá”. 
 
Fonte: Código Fonte

Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...