Maioria de antivírus para Android não funciona

O conceituado site AV-Comparatives testou 250 aplicativos de antivírus para Android, todos disponíveis na Play Store. Da lista, apenas 80 deles conseguiram detectar ao menos 30% dos apps maliciosos que foram instalados de propósito. Isso significa que menos de dois terços das opções não fazem quase nada.

Segundo o site, a ideia de testar diversos programas que prometem segurança para usuários do sistema operacional móvel do Google começou em 2017, quando um app chamado Virus Shield prometia fazer uma varredura completa no aparelho, mas não fazia nada além de mostrar uma barra de progresso do que supostamente estaria fazendo.

O teste mais recente, feito em janeiro deste ano, utilizou 250 apps com a mesma promessa, incluindo nomes bem famosos como AVG, McAfee, F-Secure, Symantec, Kaspersky, ESET e até mesmo o Google Play Protect, que vem instalado em todo Android. Os aparelhos utilizados para os testes foram um Galaxy S9 com Android 8 Oreo e um Nexus 5 com Android 6.0 Marshmallow, para os programas que não rodaram bem no Android 8.

Para passar no teste o aplicativo precisava detectar mais do que 30% dos aplicativos maliciosos que eram instalados, com nenhum falso positivo. Os resultados ficaram marcados com 23 dos 250 apps detectando todos os malwares instalados, 138 deles detectaram menos do que 30% das ameaças e alguns não detectaram nada.

Dos conhecidos pelos brasileiros, todos os maiores estão na lista dos que detectaram todas as ameaças, isso inclui os exemplos que escrevi acima. O gerenciador da própria Samsung ficou com 97,7% das detecções e o Google Play Protect encontrou apenas 68,8% dos malwares.

Do total, 55% dos antivírus trabalharam apenas com uma lista de apps conhecidos como malwares. Eles não utilizaram algum tipo de varredura do código além da lista negra que receberam.

O resultado mostra que, mesmo com uma quantidade enorme de opções na hora de proteger um Android, marcas conhecidas que já trabalham nos PCs conseguiram melhores resultados. Por outro lado, a lista dos que funcionaram perfeitamente representa apenas 9,2% dos 250 testados.

Fonte: Tecnoblog


Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...