Golpe repassado via WhatsApp sobre um suposto processo seletivo na Cacau Show já fez mais de 1 milhão de vítimas no Brasil

Uma das trapaças mais manjadas repassadas via WhatsApp no Brasil e que costuma rapidamente fazer um grande número de vítimas é em relação aos supostos processo seletivo para vagas de emprego. No início de 2018 já haviamos noticiado um golpe dessa categoria, e agora mais um está em pauta, envolvendo o nome da Cacau Show.

De acordo com o DFNDR Lab, laboratório da PSafe especializado em cibercrime, mais de 1 milhão de brasileiros em menos de 24 horas já acessaram o golpe que promete vagas de emprego com salário de até R$ 1.502 na rede de lojas de chocolate.

Ao clicar no link da armadilha, que é disseminada via WhatsApp, é solicitado que o usuário preencha campos com informações pessoais como: nome, e-mail, cidade em que reside, se é maior de 18 anos e a vaga para a qual gostaria de se candidatar.

Dentre as opções de cargos estão: vendedor, auxiliar de limpeza, ajudantes de produção, embalador, auxiliar administrativo e jovem aprendiz. Após preenchimento, a vítima é encaminhada para uma nova página que induz o compartilhamento com 5 amigos ou 5 grupos no WhatsApp para que a empresa consiga preencher todas as vagas disponíveis. A página ainda alega que, após o compartilhamento, o usuário será redirecionado para local em que poderá enviar seu currículo.

“Acreditando que está se candidatando para uma oportunidade que poderá realocá-la no mercado de trabalho e ainda ajudar pessoas conhecidas que estão na mesma situação, a vítima acaba concedendo suas informações pessoais e compartilhando o golpe com seus contatos, o que que gera uma rápida disseminação da ameaça e coloca em risco os dados de milhares de usuários” comenta Emilio Simoni, Diretor do DFNDR Lab.

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM