Fragmentação no iOS? Sim, existe e está em crescimento
Como já referimos várias vezes, a fragmentação no Android continua a ser um um problema sem solução aparente. Mas será que este é um problema exclusivo da plataforma da Google?
Segundo um estudo da Apteligent, a fragmentação no iOS existe de forma clara e está a crescer.
 
Com tantos dispositivos vendidos e em utilização é impossível as marcas manterem os equipamentos actualizados para as mais recentes versões do sistema operativo em uso. Normalmente este é um problema conhecido do Android mas um estudo recente da Apteligent mostra-nos que a fragmentação no iOS existe e até está a aumentar. Mas vamos a números!
 
Fragmentação no Android
 
Como podemos ver pelo gráfico seguinte, são muitas as versões do Android já disponíveis. A versão mais recente do Android (Android 6.0 “Marshmallow”) é apenas usada por 30% dos equipamentos em todo o mundo.
 
Apesar do Marshmallow ser a versão mais usada, pode-se confirmar que ainda há muitos equipamentos com o Android 5.0 “Lollipop” e Android 4.4 “KitKat”. O Jelly Bean (versão 4.1.x e 4.2.x) é usado por cerca de 8% dos equipamentos.
 
 
Fragmentação no iOS
 
Ao contrário do que muitos pensavam, tal como no Android, a fragmentação no iOS também existe e parece que está a crescer. É verdade que existem menos versões do iOS do que do Android mas, como podemos ver pela imagem seguinte, a fragmentação é um facto.
 
A 4 de Julho cerca de 20% dos utilizadores com iOS 9 não tinham a última versão deste sistema operativo móvel. Muitos canais de comunicação diriam que o iOS 9 está com uma taxa de adopção de 89%, mas de facto, apesar de ser verdade, a realidade é ligeiramente diferente pois não é a mesma versão.
 
 
Mas porque é que os utilizadores do iOS não actualizam os equipamentos?
 
Cerca de 7% dos utilizadores mantêm-se no iOS 8. Isto significa que 70 milhões de dispositivos continuam com esta versão do iOS. No entanto esta versão do iOS apresenta uma taxa de crash superior a qualquer outra versão do iOS 9.
 
No estudo não são indicadas as razões de não actualização, mas certamente os utilizadores estão satisfeitos com a versão que têm no seu dispositivos e porque certamente este lhes oferece a melhor performance (especialmente em equipamentos mais antigos).

Fonte: Pplware 


Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...