É incrível, mas o Windows XP voltou a ganhar quota de mercado
As quotas de mercado dos diferentes sistemas operativos mostram a sua adoção e a forma como os utilizadores os abraçaram. É inegável que o Windows domina esta área, com os restantes sistemas a terem uma pequena parte no mercado.

O que muitos não esperavam é que este mês o Windows XP subisse a sua quota de mercado, numa altura que as restantes versões perderam mercado ou abrandaram significativamente o seu crescimento.
 
Foi em abril de 2014 que a Microsoft terminou o seu suporte ao Window XP. Esta posição acabou por não ter um verdadeiro impacto, uma vez que a maioria dos utilizadores continuou a usá-lo, mesmo que este não tenha já qualquer atualização ou correções de segurança.
 
Este mês, os números de utilização dos sistemas operativos mostraram que o Windows XP cresceu mais de um ponto percentual, tendo agora 6,94% da quota de mercado total.
 
As restantes versões mantiveram o seu caminho, com o Windows 7 a continuar a perder, lentamente, quota de mercado e com o Windows 10 a ganhar o seu espaço. Cada uma destas versões tem agora 49,04% e 26,80%, respetivamente.
 
Segundo a maioria das opiniões, este crescimento do Windows XP pode estar relacionado com o lançamento de várias atualizações para este sistema. A necessidade de atualização levou a que estas máquinas voltassem novamente a ser ligadas à Internet.
 
No geral, o último mês não foi nada interessante para o Windows. Este sistema operativo da Microsoft acabou por perder terreno, apesar de manter ainda um domínio total com 91,51%. O Linux acabou por conseguir ganhar novamente quota de mercado e tem agora 2,36%. Aqui pelo meio encontramos o macOS, que reclama para si 6,12% do mercado.
 
Fica assim provado que, por muito que a Microsoft queira, dificilmente o Windows XP irá desaparecer e que irá manter-se durante muitos anos. O fim do suporte parece que não assustou os utilizadores e a Microsoft até se viu recentemente obrigada a lançar algumas de segurança, tal é ainda a sua taxa de utilização.

Fonte: Pplware

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM