Campanha maliciosa se espalha pelo Facebook; veja como se proteger ou remover a ameaça
Mais uma vez usuários brasileiros estão sendo vítimas de uma campanha maliciosa no Facebook. A Kaspersky Lab alerta que diversas postagens utilizam textos sensacionalistas e prometem vídeos que incluem conteúdo pornográfico, algumas vezes inclusive com personalidades, para roubar informações de usuários e seguir se espalhando pela rede.

Postagens como “Marido coloca câmera escondida e não acredita no que esposa faz” ou “Anitta apelou em show, não precisava disso” oferecem links com conteúdo picante, e pedem autorização para acessar uma aplicação interna do Facebook no perfil. Ao fazê-lo, o proprietário passa o controle da conta e seus dados pessoais, como e-mail, para o cibercriminoso, que passará a usar o perfil comprometido para ampliar a disseminação do golpe na rede social.
 
De acordo com o Kaspersky Lab, os cibercriminosos utilizam 93 domínios para enganar e espalhar ainda mais o conteúdo malicioso. A aplicação está programa para funcionar tanto na versão desktop quanto móvel do Facebook. A maioria dos endereços não possui conteúdo salvo, sendo que alguns mostram um suposto vídeo que, para ser rodado, exige autorização de acesso ao Facebook, infectando a conta do usuário.
 
O problema desta campanha é que ela não utiliza nenhum programa ou código malicioso. Tudo é rodado diretamente no Facebook. Os dados roubados pode ser utilizados posteriormente pelos cibercriminosos para lucrar ou espalhar outras campanhas, de acordo com o analista sênior de segurança da Kaspersky no Brasil, Fabio Assolini:
 
Ao conquistar o controle dos perfis e conseguir os dados pessoais dos proprietários, o criminoso passará a ter uma base gigantesca de contas comprometidas, que poderão ser vendidas a golpistas interessados ou serem usadas para disseminar outras campanhas
 
O que fazer para se proteger 
Se você foi infectado, não precisa se desesperar. É possível remover o aplicativo acessando as configurações do Facebook e, posteriormente, indo na aba Aplicativos. Nesta página, remova todos os apps desconhecidos. A Kaspersky listou os que se apresentam como arroplay.top; aguiavideos.top; asiavideos.top, mas existem vários outros. Qualquer um que você desconheça, elimine. Se for importante, será requisitada a permissão novamente quando necessário.
 
Após remover todos os aplicativos, altere a senha da rede social. Recomenda-se a utilização de uma chave com letras, números e caracteres especiais alternados. Não escolha senhas óbvias e nem nomes de lugares, pessoas ou animais de estimação.
 
Para se proteger, é simples: basta não acessar links que prometem conteúdo pornográfico ou picante no Facebook. Este tipo de conteúdo costuma ser excluído pela rede social, e um usuário que conhece os termos de uso da rede social não postaria estes vídeos na linha do tempo. Evite, principalmente, os links que pedem acesso de algum aplicativo e todos os contidos na lista completa compartilhada pelo Kaspersky Lab, disponível abaixo:
 

Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...