Apple aumenta preços de MacBooks, iPods e iPads no Brasil
Você achou caro o iPhone 6 no Brasil? Espere até ver os reajustes, sem motivo aparente, que a Apple acabou de aplicar nas linhas MacBook e iPod. E pode ser pior: parece que os novos iPads também ficaram mais caros.

É difícil encontrar explicação. Se já é complicado para um produto novo, como a Nadiajda e o Leandro explicaram aqui, o que dizer de produtos que não mudaram em nada, continuam iguais aos que eram vendidos ontem e, do nada, tiveram seus preços aumentados em até 20,8%?
 
O MacMagazine compilou duas tabelas comparando os preços antigos e novos. Uma da linha MacBook:
 
 
Outra dos iPods:
 
 
O MacBook mais barato do Brasil continua sendo o Air de 11 polegadas, agora por R$ 5.400. Aliás, chama-lo de “barato” é complicado; trata-se, na verdade, do MacBook menos obscenamente caro vendido no país. E o que dizer do MacBook Pro com tela Retina de 15 polegadas, que passa a custar R$ 14.600?
 
O iPod touch de 16 GB rompeu a barreira dos mil Reais – custa R$ 1.149. O iPod shuffle, com o aumento de 17,9%, agora sai por R$ 329. Com essa grana dá para pegar um smartphone, mesmo fora da Black Friday.
 
E pode piorar: sem aviso prévio o Magazine Luiza começou a vender a nova linha de iPads hoje, com destaque na capa do site e páginas especiais para o iPad Air 2 e iPad mini 3. O modelo básico (Wi-Fi, 16 GB) do Air 2 sair por R$ 2.079 e o do mini 3, por R$ 1.729. As gerações anteriores custam, respectivamente , R$ 1.599 e R$ 1.399 na loja oficial da Apple.
 
Uns dizem que a Apple está antecipando uma eventual disparada do dólar para próximo dos R$ 3, outros falam em impostos, um tanto mais de ganância pura e simples.

Fonte: Gizmodo Brasil 


Serviços
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by SuaInternet.COM


Serviços

Atendimento OnLine
Enviar...